quinta-feira, 7 de março de 2013

A ESCOLA DOS MEUS SONHOS

A escola dos meus sonhos não é nenhuma entidade imaginária, abstrata, idealizada, mas existe na real, é profundamente humana, onde acontece o milagre diário de reverência à vida, de descoberta da beleza adormecida em cada ser humano e encanto da aprendizagem.

A escola dos meus sonhos é aquela que eu frequentei nos idos da graça dos anos cinquenta e onde comecei a lecionar e tive a honra de ser diretor. O ser humano estava em primeiro lugar, e isto gerava respeito recíproco entre professor e aluno, com a definição clara de que toda a atividade estava embasada nos valores fundamentais da humanidade.

A escola dos meus sonhos ainda existe, porque pessoas apaixonadas ainda se empenham pela utopia de preservar o espaço escolar como lugar de viver as mais belas experiências de vida, fazendo de cada aula momento de magia e paixão pelo aprender e ensinar.

A escola dos meus sonhos se concretiza toda vez que o brilho do olho do professor reflete a paixão pelo que faz, e supera a mais avançada tecnologia de que se possa dispor, porque vai se alojar na memória do coração do aluno, e lá fica para sempre como sinal de amor sublime entre ensinante e aprendente.

A escola dos meus sonhos é aquela em que a aula não acaba quando se vai para casa, porque as lições da professora se alojam no coração da criança, e o seu exemplo acaba sendo referência para toda a vida.

A escola dos meus sonhos é aquela aonde se quer voltar no dia seguinte, porque lá se tem espaço para viver plenamente todas as emoções da vida, em companhia dos colegas, todos desejosos de aprender e crescer, não numa disputa desenfreada de vencer o outro, mas superar os próprios limites.

A escola dos meus sonhos é possível, desde que não nos tornemos reféns de rankings e que o estudo seja resultado natural da curiosidade e paixão pelo aprender.

Por: Osvino Toillier

Fonte: Site Mundo Jovem

Nenhum comentário:

Postar um comentário